sábado, 9 de agosto de 2014

"EMBARQUE NESSA ONDA!"



"Que tempo bom aquele de quando éramos crianças, onde nosso mundo imaginário não nos machucava como fazem nossas ilusões atuais. Quantas vezes me peguei rindo pra ursinhos, elefantinhos, algodão doce, cachorrinhos e gatinhos feito de nuvens branquinhas no meio de um lindo e infinito mundo azul. É... Meu mundo infantil é vivo e ainda não perdi a capacidade de sonhar."
-Aline Lopes.




Quando somos crianças:Quero ser adolecente!
Quando somos adolecentes:Quero ser adulto, ninguem me entende!
Quando somos adultos:Queria voltar a ser adolecente!
Quando somos idosos:Nossa... Daria tudo pra voltar a ser criança...T
hifany Alencar

Queria ser criança novamente.
Hoje em dia, tem crianças que se acham adulto.
Mas, quando forem pais adultos, não soube o que era ser criança.

"Amar é dar um copo de água para vovó que pediu e estava com sede e cansada.
Amar é acordar cedo e andar de pontinhas dos pés para não acordar ninguém.
Amar é ajudar a mamãe nos afazeres domésticos, mesmo que seja apenas enfeitar a mesa para o almoço.
Amar é fazer ao outro o que gostaríamos que fizessem à nós. Amar é reconhecer que errou e procurar não fazer de novo. 
Às vezes para amar você só precisa ouvir ou sorrir, chorar ou pular junto."
                                                          
"Nossas crianças estão cada vez mais em contato com a vida adulta, esquecendo de viver a realidade da fantasia, da imaginação e das brincadeiras. 
Tornou-se normal crianças assistirem à programas onde a violência tem uma ênfase maior, onde o normal é ser temido, seja por seu poder financeiro ou por armas. 
Os pais, estão cada vez mais sem tempo de brincar com os filhos e transmitir essa atenção tão importante. Substituem essa atenção com computadores super modernos, Internet, vídeo games e cursos para capacitação, esquecendo que substituir não é acrescentar, é preciso se divertir, correr, pular, dançar,alegrar-se com eles.
Faça isso e irá descobrir que é um mágico onde suas mágicas darão origem a efeitos incríveis e imediatos em seus filhos, pois jamais esquecerão desses momentos. Descobrirão que o normal é ser feliz e alegre, e o estranho é ser estressado e ansioso.
Deixe seus filhos se sujarem com barro e tintas de colorir, não permita que a sujeira da depressão e do consumo excessivo caminhe no solo dos sentimentos de nossas crianças.
Não podemos permitir que elas cresçam antes da hora, que sejam crianças na idade, mas adultas no comportamento. Não ache normal chegar em casa e ver seu filho(a) na sala, bem arrumado, assistindo televisão,usando a Internet, ou jogando vídeo game. Não entenda que isso é sinal de boa educação ou bom comportamento, simplesmente por ter a casa em ordem, as paredes sem manchas, os papeis e os lápis guardados, os amigos cada um em sua casa. Espere chegar em casa e ver uma cena diferente, papeis espalhados, desenhos coloridos, amigos de seu filho na sua casa correndo, paredes manchadas, conversas, fantasias e sinta-se realizado por saber que seu filho saberá dividir o espaço de sua casa com a alegria e a felicidade.
As paredes podem ser pintadas, os papeis rasgados ou guardados, os amigos podem seguir rumos diferentes, mas este momento nunca será mudado na vida de nossos filhos."

Sou criança e busco a paz...

Crianças vivem em paz?
Afinal, o que é paz? 
Sou criança e busco entender a paz...
Será que alguém pode me ajudar?
...
Sou pequeno e desejo entendê-la...
Alguém me auxiliará?
Sou criança e quero paz...
Paz verdadeira... não paz de brincadeira...
...
Por que prender as pombinhas ?
Por que só a cor branca ?
Tudo deve ter um significado...
Mas eu só quero a paz... de ser amado!
...
Sou criança, a paz que eu quero...
É mais simples, com sentimento sincero...
Quero minha família por perto, cuidando de mim...
Quero meus amigos pertinho, brincando assim....
...
Busco a paz em mim e em ti...
Compreendo a paz como algo singelo...
Quero sentimentos de comprometimento...
...com o bem querer...com o bem viver...
Sou criança e busco a paz...

(Profe Virginia)









terça-feira, 15 de julho de 2014

Prefeitura de Fortaleza inicia obra para o (BRT) trânsito rápido para ônibus na Avenida Bezerra de Menezes

Avenida receberá 10 estações de ônibus, cinco em cada sentido da via.

A Prefeitura de Fortaleza iniciou nesta sexta-feira (16) as obras das estações de ônibus na Avenida Bezerra de Menezes. O canteiro central da avenida vai abrigar 10 estações de ônibus, cinco em cada sentido da via, e as faixas preferenciais para ônibus serão do lado direito. Atualmente, as faixas preferenciais ficam do lado esquerdo.
As mudanças visam a implantação do BRT (Bus Rapid Transit, trânsito rápido para ônibus, do inglês) na Avenida Bezerra de Menezes.
Segundo a prefeitura, as duas faixas da esquerda na Avenida Bezerra de Menezes serão exclusivas para ônibus, táxis e veículos de transporte públicos a partir de agosto deste ano. Os veículos de passeio passarão a trafegar pelas duas faixas da direita de cada sentido da avenida. Parte das árvores do canteiro central da avenida será removida para a instalação das estações. Os recursos para a obra foram liberados pelo Governo Federal, no valor de R$ 718 milhões.
"Nossa expectativa é de que até o fim de agosto já teremos concluídas as obras do terminal do Antônio Bezerra e também vamos ter implantado o corredor Antônio Bezerra/Centro, com a transferência das faixas de ônibus para o canteiro central", afirmou o secretário de Infraestrutura Samuel Dias. Fonte:Do G1 CE
Paradas de ônibus passarão a funcionar do
lado esquerdo da avenida
(Foto: Prefeitura de Fortaleza/Divulgação)

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Os alunos do Master/Bezerra e Topo Gigio no encontro semestral da despedidas das aulas lambuzando o queixo de sorvete. Melando os dedos com ....saudades!!!

SORVETE DE DAR SAUDADE!  A nossa despedida do primeiro semestre com os alunos do Master e do Topo Gigio, foi de dar água na boca! marcamos pra nos reunirmos em um local bem diferente e relativamente fácil para a realização de nossa despedida. Bobs na Bezerra de Menezes foi a opção mais votada entre todos os adolescentes que transportamos, e que em sua maioria tem idade aproximada aos 10 anos.Foi uma brincadeira muito animada e divertida...Rolou até um DJ surpresa dentro da nossa van escolar. Acreditamos que toda essa felicidade nos façam seres humanos ainda melhores e sem dúvida o sorriso de encantamento de cada um não tem preço! Foi muito bom.
 Um Brinde ao Sorvete!
Quanto mais sorvete 
Quero seu calor,
Muito mais desejo de amor.
Quanto mais sorvete 
Quero seu calor ,
Muito mais desejo de amor...





sábado, 24 de maio de 2014

COFFEE BREAK EM HOMENAGEM AS MÃES,TRABALHADORAS E PROFISSIONAIS DO TRANSPORTE ESCOLAR.

10 DE MAIO: SOLENIDADE DE HASTEAMENTO DAS BANDEIRAS DO BRASIL,DO NOSSO ESTADO E DO NOSSO SINDICATO(SETRECE) E COFFEE BREAK EM HOMENAGEM AS MÃES,TRABALHADORAS E PROFISSIONAIS DO TRANSPORTE ESCOLAR. PRESENÇA DO PROFESSOR E DEPUTADO FEDERAL ARTUR BRUNO.CENTENAS DE COLEGAS DE TRABALHO FORAM HOMENAGEADAS,COM A ENTREGA DE ROSAS E UM BELÍSSIMO CARTÃO.
COM ARTUR BRUNO SEMPRE PROFESSOR E HOJE DEP. FEDERAL,TIA ANDRÉA REENCONTRA O SEU EX-PROFESSOR E RELEMBROU GRANDES HISTÓRIAS EM SALA DE AULA.
MOMENTO DO HASTEAMENTO DAS BANDEIRAS DO NOSSO SINDICATO,DO BRASIL E DO NOSSO ESTADO.ROBERTO MONTEIRO PRESIDENTE DO SETRECE,DEP. FEDERAL ARTUR BRUNO E O VICE  EVANDRO.
                                        ROBERTO MONTEIRO E O DEP.ARTUR BRUNO
                      SOLENIDADE DE HASTEAMENTO DAS BANDEIRAS DO BRASIL,DO NOSSO                                               ESTADO E DO NOSSO SINDICATO(SETRECE) 

quinta-feira, 10 de abril de 2014

CADÊ A REFORMA DA PRACINHA?

Moradores,comerciantes e transeuntes da confluência do Parque Araxá com a Parquelândia e Rodolfo Teófilo continuam perguntando quando é mesmo que a Prefeitura de Fortaleza vai começar a reforma da Praça Ari de Sá Cavalcante, mais conhecida como a pracinha da Jovita. O que se sabe, na base do boca a boca,é que a pracinha faz parte da relação de vários logradouros públicos da cidade que estão sendo adotadas por empresas particulares. Porém,até agora,não temos nada de concreto. E, realmente ,os questionamentos fazem sentido, pois já faz alguns anos, desde a gestão da ex-prefeita Luizianne Lins, que se ouve falar nessa reforma, mas até agora a comunidade não está sabendo de nada oficialmente.Fonte: JPA
Em respeito aos nossos leitores,entramos em contato com alguns setores da Prefeitura,através da secretaria Executiva Regional III,buscando esclarecimentos sobre o assunto, mas até o final do Mês passado não havíamos recebido retorno de nenhuma informação.E que a ideia da referida,ficando responsável pela revitalização, manutenção e limpeza desde que é,sem dúvida alguma, o mais belo cartão-postal da nossa região.Vamos torcer que seja verdade.Circulando pelo bairro observamos que a AMC - Autarquia Municipal de trânsito de Fortaleza promoveu várias mudanças com o objetivo de melhorar o tráfego de veículos no Parque Araxá e Parquelândia.A rua Raimundo Arruda,entre a avenida Bezerra de Menezes e a rua Bernardo Figueiredo,passou a ser mão única no sentido Norte-Sul, e virou via preferencial nos cruzamentos com Azevedo bolão e Padre Guerra.Para completar I, o órgão municipal implantou um semáforo na esquina da Raimundo Arruda com a avenida Jovita Feitosa e colocou barras de gelo baiano na esquina da Jovita Feitosa com a rua Professor Anacleto.
Para completar II,foi implantado também sentido única na rua Amadeu Furtado na Parquelândia e um semáforo na esquina da avenida Jovita Feitosa com essa mesma rua,e foi desfeito o cruzamento com semáforo que existia na avenida Jovita Feitosa com a Professor Lino da Encarnação,e colocou também barras de gelo baiano na cor amarela na esquina da Jovita Feitosa, rua esta que tem um fluxo enorme de veículos devido a existência de uma instituição de ensino o colégio Topo Gigio esta mesma via  dava acesso a avenida Humberto Monte e avenida José Bastos.Agora quem vem da Bezerra pela Professor Lino da Encarnação,ao chegar na Jovita Feitosa só tem a opção de dobrar à direita.Se as medidas adotadas serão capazes de melhorar o trânsito ou não,só o tempo poderá dizer.

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Trânsito mais lento em toda capital.Detalhes na Rota Oeste

Quem trafega pela Avenida Humberto Monte, que corta os bairros Pan Americano, Bela Vista e Parquelândia, enfrenta a algum tempo, transtornos no trecho entre a Rua: Bolívia, Av. Humberto Monte e a Rua:Rotary. Quando o assunto é aquele retorno que de vez em quando causa um verdadeiro e perigoso transtorno para quem precisa cruzar a via.Na tarde de ontem, o trânsito estava engarrafado nas duas direções. Entretanto, a situação era pior nas proximidades da Panificadora Priscila , na rotatória defronte ao colégio Mundial. Ninguém se entende,pois o fluxo de carros é pesado e não existe um semáforo se quer para controlar o trânsito no local. Acidentes são frequentes no local devido a alta velocidade empregada na via. Os motoristas que trafegam pela avenida Humberto Monte em Fortaleza estão acostumados aos congestionamentos, principalmente nos horários de pico. Devido às fortes chuvas dos últimos dias, essa situação tem piorado e o trânsito nesta via ficou ainda mais lento.
CONGESTIONAMENTO
"Todo dia o trânsito é complicado por aqui, mas quando chove piora, pois os motoristas andam bem devagar, com medo de causar um acidente por causa da pista molhada", comentou o professor Coelho,morador do local.

domingo, 23 de março de 2014

A Educação tem que ser compartilhada por todos que fazem o trânsito


           

Todos nós temos que ter responsabilidades quanto a questão da convivência no trânsito.Pois como se diz o ditado: No trânsito somos todos pedestres,não permite exceções.Todos têm responsabilidades.Contudo, nesta relação primaria entre diferentes funções e atividades,o pedestre é,sem dúvida,o mais vulnerável, devendo ser indiscutivelmente ser priorizado.A cada dia mais agressivo,o fator andar no trânsito requer o respeito do maior sobre o menor,ou seja,respeitar os demais condutores para contribuir na redução da violência existente pela falta do sentimento coletivo, para que o individualista nesse momento não passe a ser soberano. A conscientização de cada participante desse labirinto de edificações,sinais e regras e regulamentos deve ser primordial e obtida o mais mais breve possível por toda população na educação primária.O nível de educação das pessoas é que vai nos mostrar a boa ou má convivência no trânsito. Em algum momento de nossa atividade ,ando a pé, para poder atravessar a faixa de pedestre existente em frente a saída dos alunos,e poder buscá-los para o embarque na ida para casa. Mesmo nesse horário ainda de pouco movimento de veículos, posso observar infrações que identificam a falta de educação e o desprezo dos guiadores pela vida humana. Em certo dia,na travessia da avenida,apesar do sinal verde para pedestres,minha esposa que trabalha comigo em um período do dia,quase foi colhida por um ciclista que trafegava na contramão da ciclofaixa e não respeitou o sinal vermelho para ele. Na volta para o carro,ela atravessava na faixa de pedestres desviando de uma moto e de um automóvel que ali se postavam de modo faltosos a lei de trânsito bem em cima da faixa. Essa atitude demonstra um comportamento ansioso e desrespeitoso dos motoristas.Aqui em Fortaleza a sinalização horizontal PARE que nos pede pra PARAR, me parece que foi substituída por REDUZA E SIGA,pois motoristas afoitos dobram a esquina em alta velocidade, sem se dar conta que ali existe um cruzamento, e que ele deve obedecer a sinalização ,tanto horizontal como a vertical,uma total indiferença aos princípios da direção defensiva. Alô pedestres de Fortaleza/Ce se cuidem e sejam bastante ágeis para se defenderem desses camicazes ao volante,a fim de evitarem um atropelamento ou algo parecido.Estou em um veículo que aparentemente requer maior atenção por parte dos demais condutores e que deveriam respeita-lo de forma a providenciar melhor travessia na passagem e mobilidade em relação aos demais,por ser um veiculo transportador de crianças na fase ESCOLAR e que presta um serviço para a coletividade estudantil.Pelo que sentimos todos os dias é pura ilusão infelizmente,não existe respeito algum pelo veículo ESCOLAR de faixa AMARELA.Nós que somos profissionais é que temos na maioria das vezes,dar a vez,parar ou interromper a travessia de uma rua devido a péssima conduta de alguns motoristas que teimam em dirigir falando ao celular .

A educação continuada da população,no que se refere as leis e ao ordenamento e mobilidade urbana,é considerada imperativa,assim como a evolução dos órgãos de controle e punição aos infratores.

sábado, 30 de novembro de 2013

Por Redação, Histórias de carinho (estilo.br.msn.com): para ajudar o amigo doente, menino escreve livro e arrecada quase um milhão de reais

Por Redação, (Fonte:estilo.br.msn.com)
Para ajudar o amigo doente, menino escreve livro e arrecada quase um milhão de reais
Ao ver o melhor amigo com uma doença incurável, Dylan decidiu fazer o que estivesse ao seu alcance para ajudá-lo. Conheça essa história emocionante; um lindo gesto de amizade e carinho!
Você se lembra do seu melhor amigo de infância? Alguns o guardam com carinho nas mentes e corações, outros convivem com ele até hoje. O fato é que é neste período da vida, quando ainda somos pequenos, que as amizades surgem naturalmente, sem qualquer tipo de interesse ou preconceito. A vida pode até nos levar para lugares diferentes, mas a memória permanece; as lembranças e brincadeiras ficam guardadas para sempre!
Dylan Siegel, um menino americano de seis anos, já sabe quem é o seu melhor amigo: Jonah Pounazarian, de sete anos, que infelizmente foi diagnosticado com uma doença rara no fígado, ainda sem cura. Com medo de perder o amigo para sempre, Dylan decidiu que não poderia ficar parado e estava determinado em encontrar uma maneira de ajudar.
Após várias ideias para juntar dinheiro, ele resolveu escrever um livro. Assim nasceu “Chocolate Bar” (“Barra de Chocolate”), um livreto de 16 páginas escritas à mão e ilustradas pelo próprio Dylan. Ele imediatamente mostrou aos pais, que se mobilizaram e mandaram fazer 200 cópias do livrinho para o menino vender em um evento da escola. Em questão de horas todos os exemplares se esgotaram, arrecadando um incrível montante de seis mil dólares (cerca de R$ 13 mil).
Logo, a história ganhou a atenção da mídia nacional, fazendo com que Dylan e Jonah participassem de sessões de autógrafos em livrarias famosas e entrevistas em programas de televisão. Com a repercussão positiva, pessoas de todo o país começaram a pedir pelo livro. Na última segunda-feira (23 de setembro), os meninos conseguiram uma façanha impressionante: alcançaram 400 mil dólares (cerca de R$ 900 mil) em vendas!
A ideia é que toda essa quantia seja encaminhada para um programa de pesquisa da Universidade da Flórida. O Dr. David Weinstein, que lidera o grupo de pesquisadores, ficou surpreso com o valor arrecadado e está muito esperançoso em conseguir encontrar, nos próximos anos, uma cura para a doença do pequeno Jonah.
Amigos e familiares estão muito felizes com o resultado da campanha. Entre uma brincadeira e outra, os garotos comemoram cada venda, cada centavo que entra na conta. Segundo o pequeno Dylan, “Barra de chocolate” quer dizer “incrível”, o que descreve perfeitamente o gesto de amizade e carinho que ele teve ao ajudar o amigo doente. “Eu gosto de ajudar meus amigos. Isso é tão barra de chocolate", escreveu o menino em uma das páginas do livro.
Assim como qualquer um de nós, as crianças podem mudar o mundo. Basta olhar ao seu redor e fazer a diferença, dando carinho a quem precisa: seja alguém estranho ou quem a gente ama - como um querido e verdadeiro amigo!

Histórias de Carinho: pais amorosos fazem de tudo por seus filhos

O amor e o carinho motivam pais a fazer de tudo para a felicidade de seus filhos! Enquanto um pai criou um aplicativo para que a filha pudesse se comunicar, outro fez uma mão artificial para o filho que nasceu sem os dedos da mão esquerda.
A foto: pequena Clarinha mostrando o aplicativo Livox, uma ferramenta inovadora que auxilia quem não pode se comunicar)            
Pelo desejo de se comunicar com a filha, o analista de sistemas Carlos Pereira resolveu usar o conhecimento de sua profissão para transformar a vida da pequena Clara, de apenas seis anos. Ela tem paralisia cerebral, ocasionada a partir de um erro médico na hora do parto. Por conta disso, ela não consegue falar nem demonstrar seus anseios e preferências no dia a dia com facilidade.
Para criar mais independência e entender melhor o que se passava com a filha, Carlos buscou no mercado algo que auxiliasse a comunicação entre ela e toda a família. Após várias pesquisas, no entanto, ele constatou que o único recurso tecnológico criado para esse fim só existia em inglês e os desenvolvedores do sistema não tinham interesse em entrar no mercado brasileiro. O dedicado pai, então, resolveu desenvolver a sua própria ferramenta de interação. Assim nasceu o Livox - mistura das palavras “liberdade” e “voz” -, que é hoje considerado um dos melhores aplicativos inclusivos para pessoas com
doenças que dificultam a capacidade da fala.
Inicialmente, o sistema - disponível no próprio celular de Carlos - era bem simples e ajudava a filha a responder “sim” e “não” às suas perguntas. Aos pouquinhos, o software foi ganhando mais recursos com a colaboração de terapeutas ocupacionais, fonaudiólogos e pedagogos, além de o programa ter evoluído para um tablet. Clara pôde, enfim, contar para os pais o que sente, o que quer comer, se está com vontade de ir ao banheiro e até chamar alguém pelo nome. Ao ser questionada sobre algo, basta que a pequena identifique visualmente a resposta no Livox e se comunique. São mais 12 mil imagens, além da possibilidade de incluir mais figuras e símbolos de acordo com as necessidades de cada usuário.
A repercussão positiva da ferramenta rendeu a Carlos e sua equipe de colaboradores o prêmio de melhor aplicativo de inclusão e ponderamento, na etapa brasileira do WSA (World Summit Award); importante premiação global apoiada pela ONU que seleciona os melhores conteúdos digitais do mundo. No Brasil, mais de duas mil pessoas já utilizam a plataforma que, além do português, está disponível em mais de 25 idiomas.
O objetivo de Carlos é que alguma esfera do governo apoie o projeto e o Livox consiga atender a aproximadamente 15 milhões de famílias brasileiras. Além de pessoas com paralisia cerebral, o software pode ajudar pessoas que tenham, por exemplo, esclerosa múltipla, sequelas ocasionadas por um AVC, traumatismo cranioencefálico e até idosos com dificuldades na fala. É a tecnologia abrindo portas para que todos tenham o direito de se comunicar e interagir com as pessoas ao redor! Para saber como adquirir essa comunicação alternativa ou saber mais, clique aqui .

Outro pai amoroso também criou algo para melhorar a vida de seu filho: uma prótese de mão feita em uma impressora 3D
Leon McCarthy, um norte-americano de 12 anos de idade, nasceu sem os dedos da mão esquerda. Como uma prótese tem um custo muito alto - em torno de R$ 80 mil -, o pai, Paul McCarthy, passou anos procurando uma maneira mais em conta de dar qualidade de vida ao filho. Foi quando, vendo alguns vídeos na internet, encontrou o caso do inventor Ivan Owen que, em 2011, usou uma impressora 3D para criar uma mão protética para um menino de cinco anos de idade.
Seguindo os passos de Owen, McCarthy resolveu usar a impressora 3D comprada para a escola de seu filho e, assim, começou a construir uma mão artificial para o garoto. Com muitos ajustes iniciais, a prótese ficou pronta e Leon pôde finalmente fazer coisas simples do dia a dia, como desenhar, andar de bicicleta e fazer as refeições segurando os dois talheres. O mais interessante é que todo o material foi comprado por apenas US$ 10 (R$ 23) e utiizado em uma impressora que custa o equivalente a US$ 2000 (R$ 4585), valor ainda muito inferior ao custo da prótese convencional.
O pai disse em uma entrevista ao canal Fox que sua intenção é dar continuidade ao projeto e ver outras crianças se beneficiando com a mão artificial. Para o menino, além de ter ficado parecido com um ciborgue e isso ser legal, a prótese melhorou muito a sua rotina: "eu estou fazendo muito mais coisas do que eu jamais pensei que poderia. Abriu um monte de novas portas na minha vida.", disse o pequeno Leon.

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Início das obras de construção do viaduto da Rua: Padre Cícero tem seu início marcado para o dia 30 de Novembro

Os motoristas que trafegam pela Av. José Bastos terão que alterar o seu percurso devido ao início das obras de construção das alças e instalação do viaduto rodoviário da Rua Padre Cícero, a partir do próximo sábado (30). O trecho daquela via, compreendido entre as ruas Pe. Cícero e Pe. Francisco Pinto, será interditado até o fim de junho de 2014, quando a intervenção deverá ser concluída.
Por conta do bloqueio, veículos oriundos do Centro que quiserem acessar a Av. Eduardo Girão devem seguir pela Av. Carapinima, dobrar à esquerda na Rua Pe. Francisco Pinto e à direita na Rua Júlio César. Os coletivos também seguirão o mesmo percurso para chegar até a Avenida João Pessoa, de onde retornam ao percurso original.

Placas indicando as opções de desvios serão instaladas para orientar a população e evitar dúvidas por parte dos condutores. Já nas linhas de ônibus, informativos afixados no interior dos veículos irão disponibilizar informações do novo itinerário. O fluxo da Avenida José Bastos, nos seus dois sentidos, continuará sem nenhuma alteração.

Orientação
Além disso, agentes da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC) controlarão o tráfego nos primeiros dias da intervenção, que afetará 13 linhas de ônibus, segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor).

Atualmente, os trabalhos somam aproximadamente 40% do total da obra e a perspectiva é de finalizar todo o viaduto até o fim de junho do próximo ano. A implantação desse viaduto integra as obras da Linha Sul do Metrô de Fortaleza, que é de responsabilidade da Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor).Fonte:DN/CIDADE

terça-feira, 26 de novembro de 2013

DADOS DA ANP Gasolina no CE é a 4ª mais cara do NE (26.11.2013)

Em Fortaleza, o preço médio do produto na bomba, para o consumidor final, mantém-se em R$ 2,767

Vilã da economia, uma das principais ameaças à política do governo de manter o controle da inflação abaixo dos 6,5%, neste ano, e sob pressão de reajuste por parte da Petrobras, o preço da gasolina continua a impactar o mercado, sobretudo no Ceará, onde o processo inflacionário mantém-se em alta.
Nas distribuidoras de combustíveis da Capital, os preços do litro da gasolina para os postos estão variando entre R$ 2,49 e R$ 2,53, com média de R$ 2,51 FOTO: J.Júnior
No Estado, o litro do combustível fóssil está sendo comercializado nos postos ao preço médio de R$ 2,821, o quarto maior valor na média do Nordeste, que gira em torno de R$ 2,80. Na região, o maior preço médio do litro da gasolina é o de Alagoas, enquanto a Bahia mantém os preços do combustível estabilizado em R$ 2,72.

Em Fortaleza, o preço médio do produto na bomba, para o consumidor final mantém-se em R$ 2,767, o mesmo de 30 dias atrás, segundo pesquisas realizadas pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) nas quatro últimas semanas, entre 27 de outubro e 23 deste mês.

Variação menor
No entanto, as oportunidades de encontrar gasolina, abaixo dos R$ 2,49, o litro, já não existem mais nos postos cearenses. Na última semana, vários estabelecimentos na cidade elevaram os preços do combustível, alguns em até R$ 0,24, por litro, conforme noticiou o Diário do Nordeste, na edição do último dia 22, após pesquisa direta.

Com o reajuste de alguns estabelecimentos, o preço mínimo encontrado na última sexta-feira, na Capital, pela ANP, era de R$ 2,669, e o máximo, de R$ 2,895, por litro da gasolina comum. A variação de preços, entre o menor e o maior valor, que na semana passada era de 16,42%, reduziu-se à metade, para 8,46%.

Nas distribuidoras de combustíveis de Fortaleza, os preços do litro da gasolina para os postos está variando entre R$ 2,49 e R$ 2,53, com média de R$ 2,51. A esse preço, a margem de lucro para revenda mantém-se em R$ 0,26, por litro.
Livre concorrência
Para o assessor técnico do Sindipostos no Ceará, Antônio José Costa, a elevação dos preços dos combustíveis, praticada por alguns donos de postos decorre da política de administração de cada estabelecimento, que é livre para arbitrar os preços, conforme a concorrência e o mercado. Ele confirma que os aumentos praticados ainda não refletem a pressão da Petrobras por reajuste de preços do produto.

CARLOS EUGÊNIOREPÓRTER (CAD.NEGÓCIOS DN)

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

PREÇO NÃO SE DISCUTE, O VALOR DA VIDA E SEGURANÇA SIM!




"Daqui a cem anos, não importará o tipo de carro que dirigi, o tipo de casa em que morei, quanto tinha depositado no banco, nem que roupas vesti. Mas o mundo pode ser um pouco melhor porque eu fui importante na vida de uma criança." 
Tia Andréa / Fortaleza-Ce

ATENÇÃO:

Trabalhar com transporte escolar requer uma dose extra de responsabilidade, dedicação e paciência.
No amor de uma criança tem tanta canção pra nascer, carinho e confiança, vontade e razão de viver."Feliz 2014!!!